quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Bografia de Steven Spielberg


ver mais em Steven Spielberg(orkut)
Nasceu na cidade de Cincinnati, mas morou em grande parte da sua vida em Phoenix. Irmão mais velho de três irmãs, que quase sempre eram usadas como cobaias em seus filmes caseiros. Assim como a grande maioria dos cineastas, começou a filmar com uma câmera super-8 ainda na sua infância. De família judia, Spielberg sofria preconceito por intermédio de brincadeiras anti-semitas. Muitas delas pelos próprios vizinhos. Tal fato poderia explicar o interesse do diretor em quase sempre abordar o tema da segunda guerra e, principalmente, as atrocidades sofridas pelos judeus durante esse período. Um dos exemplos mais clássicos foi o filme A Lista de Schindler (1993) (Schindler's List), hoje considerado como a mais fiel visão do terror proporcionado pelos nazistas.

Assim como outros talentos da área, Spielberg nunca foi um aluno aplicado. Na época de entrar para a faculdade não conseguiu vaga no curso de cinema da Universidade da Califórnia. Terminou por cursar literatura inglesa em outra escola. Em 1969 faria o seu primeiro curta profissional, chamado Amblin. A história de um casal de jovens que se encontra no deserto de Mojave ganhou prêmios em festivais importantes, como o de Veneza. Por esse filme ganhou um contrato com a Universal, onde teria a oportunidade de dirigir o seu primeiro longa-metragem em 1971, Encurralado (1972) (Duel). Produzido para a televisão, fez tanto sucesso que acabou por ser lançado nos cinemas; impulsionando a carreira do então diretor de 26 anos. O seu próximo trabalho seria Louca Escapada (1974) (The Sugarland Express), filme elogiado pela crítica mas fracasso de público. A produção marcou o início da parceria entre ele e o compositor John Williams. Em 1975 Spielberg dirigiu aquela que é considerada a obra seminal dos blockbusters. Faturando mais de 100 milhões de dólares no verão americano, Tubarão (Jaws) conquistou platéias do mundo inteiro, em sua maioria jovens, com a trama sobre uma cidade litorânea aterrorizada por um tubarão gigante. A trilha de Williams, classificada inicialmente por Spielberg como uma "piada", até hoje é reconhecida e imitada. O filme teve outras continuações, nenhuma contou com a participação de Spielberg.

Logo após o sucesso de Tubarão, praticamente tudo o que o diretor tocou virou ouro. Só obtendo fracassos em 1941 - Uma Guerra Muito Louca (1979) (1941) e Além da Eternidade (1989) (Always). Alguns de seus outros filmes que obtiveram grande sucesso entre o público foram: E.T. - O Extraterrestre (1982) (E.T. the Extra-Terrestrial), Os Caçadores da Arca Perdida (1981) (Raiders of the Lost Ark), Jurassic Park - Parque dos Dinossauros (1993) (Jurassic Park), O Resgate do Soldado Ryan (1998) (Saving Private Ryan), além do já citado A Lista de Schindler. Por esse último, ganhou o seu primeiro Oscar de melhor direção. Também obteve imenso sucesso como produtor. A lista é extensa, mas alguns dos filmes mais conhecidos são: Poltergeist (1982), Gremlins (1984), a trilogia De Volta Para o Futuro (Back to the Future) e MIB - Homens de Preto (1997) (Men in Black).

Atualmente é casado com a atriz Kate Capshaw, tem seis filhos; um deles com sua ex-esposa, a também atriz Amy Irving, atual esposa do diretor brasileiro Bruno Barreto. Foi um dos fundadores da DreamWorks, um dos principais estúdios de Hollywood que foi vendido no início de 2006 para o estúdio Paramount. Spielberg passou a ser o principal executivo.

curiosidades
A partir de A Lista de Schindler foi procurado por mais de 56 mil pessoas, inclusive do Brasil, que desejavam dar seu testemunho sobre o nazismo. Spielberg e sua equipe recolheram esses depoimentos em mais de 120 mil horas de filme. Para a divulgação desta material criou a Survivors of the Shoah, fundação "para superar o preconceito, a intolerância e o fanatismo - e o sofrimento que causam - através do uso educacional dos depoimentos históricos visuais da fundação". A fundação está produzindo cinco documentários, dois dos quais já lançados em DVD, com estes materiais.
Em 2001 causou polêmica com o lançamento do filme A.I. - Inteligência Artificial, obra idealizada por Stanley Kubrick, baseada em conto do escritor Brian Aldiss. Amigos na vida real, Spielberg já havia sido questionado pelo próprio Kubrick sobre assumir a direção do projeto, ficando ele com o cargo de produtor. Mas por um bom tempo A.I ficou apenas nos planos de ambos. Após a morte de Kubrick, em 1999, Spielberg imediatamente iniciou a produção do filme.
É dono do trenó Rosebud original, do filme Cidadão Kane (1941).
Está atualmente entre as 3 maiores fortunas de Hollywood
Em 29 de janeiro de 2001 foi condecorado com o título de Comandante Cavaleiro do Império Britânico (Honorary Knight Commander of the British Empire).
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...