quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Timothy Dalton

Timothy Peter Dalton (21 de março de 1946, Colwyn Bay, País de Gales) é um ator de filmes britânico; famoso por ser o quarto ator a atuar como James Bond nos cinemas em duas aventuras: The Living Daylights (1987) e Licence to Kill (1989).
Dalton fez muito teatro britânico (e até hoje, ainda faz), antes de ser contratado para assumir o papel de James Bond. Quando Sean Connery se recusou a fazer os filmes On Her Majesty's Secret Service (1969) (com George Lazenby) e Live and Let Die (1973) (com Roger Moore), Dalton se ofereceu para assumir o papel, mas foi vetado, por ser jovem demais. Quando Moore se aposentou do papel, aos 58 anos de idade, Pierce Brosnan foi convidado a fazer o papel, mas este estava ocupado com outras produções. Dalton então assumiu um contrato de três filmes, mas durante uma batalha judicial, pelos direitos da personagem James Bond, seu contrato para o terceiro filme expirou. Descrente quanto à idéia de que viriam mais filmes do agente, Dalton se envolveu noutros projetos. Quando finalmente foi anunciada a produção de um novo filme (GoldenEye) (1995), Dalton disse que não faria mais filmes no papel. Em compensação, sua carreira no teatro britânico continuou a subir. De toda sorte, Dalton é considerado por muitos fãs de 007 como o ator que trouxe um perfil mais realista ao agente, ao contrário da Era Moore (muitos fãs reclamaram que, Moore estava mais cômico do que sombrio). Talvez, se Dalton tivesse feito mais um filme da série 007, sua carreira no Cinema teria seguido um rumo melhor.
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...